Trabalhando com o riso, jogando com os sentidos: discurso e propaganda política em Natal/RN